Central de Vendas - Brasil 0800 605-5113
Vendas em Curitiba PR (41) 2106-5198

Como restaurar piso estruturado de madeira

12/02/19  | 

 

Depois de vários anos, aquele piso já desgastou, está com alguns arranhões ou perdeu o brilho? Restaurar é uma das opções para os pisos de madeira.

Bonitos e clássicos, os pisos de madeira possuem várias vantagens e uma delas é a restauração. Após muito tráfego no piso, o cliente possui a opção de lixar e passar camadas novas de verniz, o que deixa ele com aparência de novo! Veja abaixo um antes e depois:

 

 

Quem disse que não pode?

Uma das perguntas mais frequentes de quando se trata de um piso de madeira estruturada é:  “Quantas vezes eu posso fazer o lixamento nesse piso estruturado? Porque o piso maciço é para a vida toda e eu posso lixar várias vezes.”

O piso estruturado, por sua vez, é muito mais novo no mercado e além de todas as vantagens sobre o piso maciço – Veja neste texto – o que muitos não sabem é que ele também pode ser restaurado!

É bem possível que você já ouviu este questionamento, mas o importante é você saber que se tratando do piso da Triângulo você tem a condição de fazer o lixamento. Com 9 camadas de Verniz e uma camada de óxido de alumínio no piso estruturado da Triângulo, dependendo do serviço que for contratado para realizar o lixamento você só retira o verniz, sem desgastar a madeira. Isso porque o óxido de alumínio que contém no produto da Triângulo é como se fosse uma liga cerâmica, com elevadíssima resistência a corrosão. O óxido de alumínio é utilizado pela sua dureza e resistência, utilizado na madeira como um revestimento rígido como proteção da mesma, ajudando na prevenção de riscos e possibilitando na hora do lixamento somente a remoção das camadas de verniz e óxido.

No caso de apenas algumas réguas apresentarem o desgaste/risco a sugestão é para que o reparo seja feito isoladamente, com a troca da régua danificada por uma nova.

Quando eu preciso restaurar?

O piso de madeira  estruturado, se bem cuidado, dura muitos e muitos anos. Para se ter uma ideia, estima-se que uma restauração aconteça em no mínimo 12 anos a partir da instalação. Como o piso já vem com várias camadas de verniz, ele não precisa ser encerado e é um material resistente a riscos, durando muito mais. Mas atenção: os 12 anos mínimos valem para pisos de tráfego normal e cuidados essenciais, como não arrastar móveis, uso de sapatos  que não marquem, sem  tráfego de pets e sem umidade acima do recomendado.

O piso só precisa ser restaurado se os riscos e o brilho já desgastaram a beleza natural. Se o piso pegou umidade, por exemplo, a substituição das peças é inevitável, a restauração não consegue fazer a reversão.

A restauração só serve para os seguintes casos:

– Riscos

– Desgaste do brilho

– Caso queira mudar a cor

 

Como funciona a restauração

As lamelas de madeira nobre do piso Triângulo possuem espessura suficiente para receberem restauração.

Durante o lixamento, a  camada retirada do piso é superficial, mas suficiente para acabar com os riscos que tanto incomodam. “Ao passar a lixadora, é praticamente retirado só o verniz que já foi desgastado, sobrando madeira para uma próxima restauração”, afirma Eduardo, Supervisor Comercial da Triângulo.

Após esse processo, é aplicado verniz ou resina ao piso, devolvendo o tão esperado acabamento. Em uma sala de 20m², por exemplo, o processo completo pode levar de 4h a 6h. A secagem é um pouco mais demorada: Verniz pode levar até um mês, podendo voltar ao ambiente em três dias. Já a resina, que funciona semelhante ao verniz, é à base de água e possui secagem mais rápida.

Para todos os acabamentos, possui as opções de deixar seu piso brilhante, fosco ou semi-fosco.

 

Cuidados especiais

Sempre é bom contratar um bom profissional, que já tenha experiência em pisos estruturados. Como o lixamento é mais delicado sem deixar de ser eficaz, o profissional tem que ter em mente que analisar o nivelamento do piso antes do procedimento é essencial. Sem isso, pode ocorrer desgastes a mais ou a menos em pontos desnivelados, o que pode expor as camadas inferiores.

 

Ficou com dúvidas? Ligue para nós: 0800 605 5113

 

 

Tags: